AZCLUST_Tourism

 

DESIGNAÇÃO DO PROJETO

AZCLUST_Tourism

CÓDIGO DO PROJETO

ACORES-01-0145-FEDER-00006

OBJETIVO PRINCIPAL

O objetivo deste projeto é utilizar um modelo de EGC (Equilíbrio Geral Computável) a CST (Contas Satélite do Turismo) de forma a melhorar a análise do impacto do turismo e das políticas para o turismo nos Açores. O resultado será uma metodologia melhorada para auxiliar os responsáveis pelas diretrizes politicas na sua avaliação dos impactos gerais das politicas direcionadas a clusters e no impacto de outros choques nos clusters. O objetivo é ultrapassar as limitações das CST e dos modelos de EGC. O resultado final será um simulador capaz de combinar informação de um modelo de EGC e as Contas Satélite de Turismo, para a análise de politicas, em conformidade com as prioridades do RIS3, estabelecidas para os Açores. O projeto irá contribuir para uma melhor compreensão dos mecanismos de transmissão económica subjacentes e para a capacidade das autoridades responsáveis de delinear e analisar politicas. Os riscos do não cumprimento dos objetivos justificam o desenvolvimento adequado dos modelos de análise. A metodologia deve ser estendida à análise de outros sectores/clusters.      

ENTIDADE BENEFICIÁRIA: Fundação Gaspar Frutuoso

CUSTO TOTAL ELEGÍVEL: 137.914,30€

APOIO FINANCEIRO DA UNIÃO EUROPEIA: 117.227,15€

DESCRIÇÃO

Pretende-se com este projeto desenvolver uma metodologia de análise de desenvolvimento de vetores combinando um modelo de equilíbrio geral computável (EGC) e as contas satélites para os clusters estratégicos. Este instrumento de análise económica, que doravante designamos AZCLUST será, assim, delineado como uma plataforma que integra duas técnicas. Irão ser revistas as aplicações dos modelos de EGC, as matrizes SAM correspondentes e as CS para o sector do turismo. As principais atividades envolvem o seguinte: i) revisão dos modelos existentes e bases de dados de suporte a este modelos; ii) revisão dos modelos e bases de dados que tenham sido compiladas e estimadas para os Açores; iii) a combinação de modelos EGC e as contas satélite de turismo de forma a potenciar a capacidade de previsão dos dados incorporando o comportamento económico; iv) testar e aplicar a plataforma feita à medida para os Açores; v) disponibilizar um simulador que auxilie os responsáveis pelas diretrizes politicas e investigadores na análise de políticas que incidam sobre o cluster de turismo.  

RESULTADOS

O objetivo deste projeto é o de desenvolver uma metodologia que auxilie os responsáveis pelas diretrizes politicas quer na sua avaliação dos impactos gerais das politicas direcionadas a clusters quer no impacto de outros choques nos clusters. O objetivo é ultrapassar as limitações dos instrumentos existentes como as CST e os modelos de EGC na análise de sectores específicos. O resultado final será a criação de um simulador capaz de combinar informação de um modelo de EGC e as Contas Satélite de Turismo, na análise de politicas. A utilização de contas satélite irá permitir uma melhor verificação das limitações do cluster e identificar os seus componentes. Outras características como o nível regional de especialização/aglomeração poderão também ser exploradas utilizando as contas satélite. No final o projeto irá apresentar uma metodologia de integração das contas satélite com o modelo de EGC. Estes outputs serão compatíveis com a sua ligação a um modelo de EGC de forma a criar cenários para a análise da estratégia do RIS3.

FOTOGRAFIAS