MEEMO: Manter, expandir e explorar a plataforma MONICET de observação de cetáceos. Uma oportunidade para a ciência, as políticas públicas e as empresas

DESIGNAÇÃO DO PROJETO:

MEEMO: Manter, expandir e explorar a plataforma MONICET de observação de cetáceos. Uma oportunidade para a ciência, as políticas públicas e as empresas

CÓDIGO DO PROJETO:

ACORES-01-0145-FEDER-000079

 

OBJETIVO PRINCIPAL:

Aumentar a produção científica de qualidade e orientada para a especialização inteligente. A plataforma MONICET, em operação desde 2009, é a única no mundo a reunir de forma colaborativa e aberta as observações e fotografias feitas pelas empresas de observação de cetáceos. Pretende-se potenciar a utilização científica (análise de séries temporais de longo prazo), empresarial (desenvolvimento de apps) e cívica (ferramenta colaborativa de foto-identificação) desta plataforma, dando assim um destaque mundial à atividade e aos Açores.

ENTIDADE BENEFICIÁRIA: Fundação Gaspar Frutuoso / Universidade dos Açores

CUSTO TOTAL ELEGÍVEL: 179.789,80€

FUNDO EUROPEU DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL (FEDER): 152.821,33€

DESCRIÇÃO:

O projeto tem dois objetivos principais.

O primeiro é aumentar a relevância da plataforma MONICET para a investigação científica na ecologia de cetáceos e como uma ferramenta de monitorização para a tomada de decisão. Isto será conseguido desenvolvendo ferramentas matemáticas para analisar as tendências temporais da ocorrência de cetáceos nos Açores em relação com variáveis oceanográficas, atmosféricas e antropogénicas, incluindo a avaliação da escala temporal que maximiza o respetivo efeito.

O segundo é aumentar a participação das companhias no MONICET pela adição de valor a esta plataforma colaborativa. Isto será conseguido combinando tecnologia avançada e serviços de valor acrescentado. A infraestrutura tecnológica será reconstruída com base nos padrões mais elevados de compatibilidade com desenvolvimento futuros, numa base de código aberto. Uma aplicação móvel facilitará a recolha de dados e providenciará uma ligação com redes sociais, de modo que os clientes possam partilhar as suas experiências. O módulo de foto-identificação será simplificado e dotado de uma interface colaborativa. Finalmente, uma API possibilitará que as companhias desenvolvam as suas próprias aplicações, usando a base de dados para disponibilizar serviços aos seus clientes.

 

RESULTADOS:

O resultado mais visível será a renovação completa do sítio web. Esta será visível ao público pela maior facilidade de interagir com a plataforma. Mas as principais modificações serão no back office. O principal desenvolvimento será a integração direta na base de dados da informação recolhida através da aplicação móvel, o que facilitará enormemente o trabalho dos operadores. A melhoria da funcionalidade de foto-identificação facilitará o trabalho de catalogação e a interação com o público e com os especialistas.

Na componente científica, está planeada (i) a publicação de pelo menos um artigo científico sobre a modelação estatística de séries temporais de observação de cetáceos, (ii) um data paper sobre a plataforma MONICET e (iii) a promoção de um seminário sobre as séries de dados de longo prazo em estudos de cetáceos.

 

FOTOGRAFIAS: